Como ser um péssimo vendedor

Dividimos em até 1000 vezes sem juros
Se tem uma coisa que eu não suporto é entrar em uma loja e virar mira dos vendedores. É claro que pra falar dos vendedores precisamos antes dar uma aula para os patrões que pensam que vendedor precisa ir pra cima.

Os patrões dão nome pro vendedor que cai em cima do consumidor.

Você entra numa loja pra olhar uma roupa. Eu vou dizendo que se um vendedor chega em mim enquanto eu estou olhando o cabideiro e pergunta "você está procurando alguma coisa?", aumenta em 50% a vontade de sair da loja.

Vamos às diferenças entre um bom vendedor e um péssimo vendedor. Pelo menos no meu ponto de vista, é claro.

Bom vendedor

  • Simpatia natural, não força sorriso mas também não fica de cara feia achando que você não vai comprar nada. 

  • O bom vendedor não desconta no cliente a raiva que ele está do patrão. Ele faz o serviço dele porque sabe que eu não tenho culpa do humor azedo dele.

  • O bom vendedor fica sempre atento ao olhar do cliente. Ele observa a uma distância segura o olhar do cliente pra saber se ele está ou não precisando de alguma coisa. Se o cliente precisar de algo, ele vai te chamar, pode ter certeza.

  • Assim que o cliente  te pede satisfação ou pergunta algo, você como um bom vendedor, vai mostrar as opções com simpatia. Não mostre o que ele não quer ver. Se ele pediu pra ver camisas, mostre camisas e não pergunte se está precisando de meias ok? Se tem algo que irrita, é vendedor que atrapalha você a escolher alguma coisa e pensar. Muitas vezes este tipo de comportamento atrapalha você a escolher algo, porque precisa ficar respondendo "não obrigada" pra ele.
Péssimo vendedor

  • O mau vendedor  parece esfomeado pra ganhar comissão. Ele avança em você ficando a menos de dois metros de distância e quando você toca alguma peça no cabide ele faz mil perguntas pessoais além de informar o preço.

  • Ele insiste na compra e começa a tirar várias coisas sem você ter pedido da prateleira. Ele mostra N modelos de blusas, calças sendo que você queria uma jaqueta. Ele te dá o preço e prestações das roupas sem você pedir. Vou ensinar algo pra você vendedor urubu: se o cliente gostar, ele VAI comprar, você não precisa ficar de cima pra isso.

  • Você quer algo da vitrine e ele quer te empurrar o "amarelinho" porque está com preguiça de tirar do manequim. 

Pra você ser um bom vendedor, basta quem sabe falar seu nome e sair de perto. Ficar sempre de olho porque se o cliente quer comprar uma bolsa, e ele quiser ver outras cores, ele vai girar os olhos na sua direção e perguntar.

Não conheço uma alma viva que goste de vendedores urubus. Se o seu patrão exige isso, saiba que ele está fazendo isso errado.

"só estou olhando moça" - Tenho outras cores quer ver?
Eu entro em uma loja, a vendedora começa a falar e perguntar "o que você está procurando", sendo que nem sempre eu estou procurando por algo específico, já é um saco.
Minha resposta é quase padrão: "estou dando uma olhadinha", quando não é algo que vi na vitrine. Talvez naquela olhadinha eu me interesse por algo ou queira mais informações, mas assim que o vendedor faz a segunda ou terceira pergunta, eu caio fora da loja.

Quando uma pessoa desconhecida invade o raio de 1 metro de distância de alguém, aquela pessoa automaticamente fica na defensiva. E assim quando entramos no elevador. Se você já leu um pouco sobre linguagem corporal sabe do que eu estou falando. O vendedor que invade esta área sem ser chamado e quando percebe que o cliente não quer dialogar ele prossegue com perguntas, ele está cometendo um crime, e mandando ele pra fora da loja. 

Quer perder uma venda? Torre o saco do seu cliente, pergunte a cor da cueca dele, pergunte o tamanho do sutiã dela quando ela estiver olhando uma calça e mostre pra ela os novos modelos de sutiãs que acabaram de chegar! 

Parabéns, ele vai sair da loja. Se você discorda e acha que isso faz você ganhar vendas, por favor me diga em que loja você trabalha pra eu nunca aparecer por lá. 
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário